PANDORAPIX - Estúdio de Impressão Fine Art - PandoraPix

Impressão
Fine Art

Manual Passo a Passo Impressão Fine Art


Disponibilizamos um manual para você entender um pouco sobre o que é Fine Art e os serviços realizados em nosso estúdio. Clique aqui e confira!


As impressões são feitas em papel algodão Hahnemuhle e Canson que oferecem garantia de durabilidade de até 200 anos, com o uso de tintas de pigmento mineral. Utilizamos material de PH neutro e nosso processo de impressão e montagem é supervisionado por profissionais com experiência no ramo de ampliações fotográficas.

Nossa principal preocupação é garantir a melhor qualidade e longevidade em suas impressões. Cuidamos de todo o processo desde a captura, reprodução fotográfica e digitalização de originais para a perfeita cópia impressa. Nossos monitores Apple 27' IPS são calibrados periodicamente com espectofotômetro iOne da XRite e nossa impressora 44 polegadas HP Designjet Z3200 com 12 cores de Pigmento Mineral garantem excelência no resultado final. Seguimos os padrões museológicos de fine art oferecendo aos designers, fotógrafos, artistas plásticos a maior fidelidade de cores, qualidade e durabilidade de seus trabalhos.

Abaixo, encontram-se os principais serviços oferecidos pela empresa:

impressão tratamento de imagem calibração
Impressões em qualidade museológica em papel 100% (hahnemuhle) algodão com durabilidade de até 200 anos. Ajustes de cor e enquadramento, garantindo fidelidade com a obra original. Ajustes de monitores são parte do nosso atendimento, para que nossos clientes tenham uma plataforma segura de criação de imagens.
Uso de tintas em pigmento mineral. Retoque digital de imagens. Ajustes para impressão estão incluídos em nosso atendimento como cortesia aos nossos clientes.

Fine Art


Impressão fine art é aquela que segue os padrões de qualidade de reprodução em fotografias, artes digitais ou obras de arte, garantindo durabilidade, fidelidade e conformidade com as exigências dos fotógrafos, artistas, curadores, salas de exposições e museus.

Também chamada de impressão giclée ou fine print, a impressão fine art caracteriza-se por ser um processo artesanal, ainda que utilizando equipamentos e insumos de alta tecnologia.

Para cada trabalho existe uma abordagem técnica, utilizando-se ferramentas tecnológicas como os programas de manipulação de imagem e ajustes de cor, o que faz com que o artista ou fotógrafo tenha oportunidade de acompanhar e ir ajustando suas imagens de acordo com o que nossos equipamentos podem oferecer e que garantem acuracidade e durabilidade durante muitos anos.


Gicleé


O termo giclée é o termo genérico utilizado para caracterizar a impressão de uma obra de arte sobre diferentes materiais como a tela, o papel algodão através de uma impressora à jato de tinta de alta definição e de grande formato.

A origem da palavra giclée vem do verbo francês gicler que em poucas palavras quer dizer: espirrar, jorrar jatinhos. Essa palavra descreve perfeitamente o processo, onde gotículas de tinta são “espirradas” sobre o material utilizado.


Papéis


A PandoraPix oferece aos seus clientes o que há de melhor no ramo de papéis para impressão fine art. Trabalhamos com materiais produzidos pelas mais importantes e tradicionais empresas do mercado mundial.

Empresas cujo próprio nome já se tornou garantia de qualidade e confiabilidade, tais como: Hahnemühle, Canson, Harmam, Premier Art, HP e Epson.

Existem dois tipos básicos de papéis para impressão fine art que utilizamos: os chamados fotográficos e os papéis de algodão.


Papéis Fotográficos


- Photo Matte ou Photo Glossy: É um papel de alfa-celulose em sua composição, revestido com polietileno estruturado e camada de microporos receptores de cor.

É o equivalente atual dos papéis fotoquímicos tradicionais, resistente a água e desbotamento, com durabilidade estimada de 75 anos em condições ideais. Trabalhamos com larguras de 60, 110.


Papéis de Algodão


São papéis de altíssima qualidade, que oferecem aos profissionais um suporte resistente ao envelhecimento, são acid free e têm durabilidade garantida pelo fabricante de até 200 anos, em condições de conservação museológica.

Por também apresentarem admirável fidelidade de cores, são os mais largamente utilizados no comércio de obras de arte, coleções particulares ou de museus.

Os papéis à base de algodão possuem uma boa variedade de acordo com o tipo de superfície, oferecendo alternativas para diferentes tipo de trabalhos, imagens ou resultados pretendidos.

- Photo Rag: Produzido pela Hahnemühle, é um papel feito com 100% de algodão, branco e totalmente fosco. Muito utilizado para fotografias em preto e branco ou cor, devido aos seu excelente gamut de pretos.

é encontrado nas gramaturas de 188 e 308g, com larguras de 60, 110 cm. O papel Photo Rag Hahnemühle 308g é certamente um dos melhores suportes existentes para reprodução em fine art.

Velvet: Papel 100% algodão, branco, fosco e texturizado. É um papel indicado para múltiplos usos, sejam impressão de fotografias preto e branco ou coloridas, assim como arte digital. Sua textura marcante é um recurso valioso para fotos digitais chapadas ou com baixa resolução, ajudando a compor a imagem e disfarçando eventuais defeitos do original. Trabalhamos somente com a largura de 110 cm.

- Barita: Papel alfa-celulose, branco, liso e brilhante, junta as qualidades de um papel de algodão com uma superfície brilhante encontrados nos antigos papéis de fibra da Ilford em que se faziam as clássicas fotos em preto e branco. O barita oferece uma característica muito expressiva, principalmente nas fotos preto e branca com bastante contraste e as fotos coloridas bem saturadas. Trabalhamos com as larguras de 60 e 110 cm.

- Smooth: Papel 100% algodão, branco, liso e totalmente fosco. Indicado para diversos tipos de uso, tanto imagens coloridas como preto e brancas. Sua característica mais marcante é ter uma superfície bem lisa, suave, livre de texturas que possam causar alguma interferência na imagem. Trabalhamos somente com a largura de 110 cm.

Canvas: Material produzido para se assemelhar ao máximo a uma tela de pintura, possui as mesmas propriedades dessas: textura de tecido, resistente a água, pode ser estendida e montada sobre chassis de madeira. Possui dois tipos de superfície: brilho, que remete a pinturas em tinta acrílica, e fosca, que remete a tintas pastel. É possível ainda fazer interferências após a impressão. Trabalhamos com a largura de 110 cms.


Dicas


Algumas dicas para que o trabalho flua facilmente e você entenda melhor alguns detalhes:


Para impressão


Damos saída a partir de arquivos digitais nos formatos .tif ou .jpg. Preferencialmente .tif na escala de cor RGB e com resolução de mínima de 100 dpi no tamanho final, sem interpolação.


Por quê .tif?


O formato .tif não comprime o arquivo, garantindo uma fidelidade maior ao arquivo original. A desvantagem é que o arquivo fica mais pesado, o que pode dar problema na transmissão de dados por e-mail. Nesse caso, o .jpg seria o mais indicado para facilitar o envio do arquivo.

- Por quê utilizar a escala de cor RGB e não CMYK?

A impressão de fotografia não é gráfica, e o espectro de cor do RGB é maior que o CMYK (usado em serviços de gráfica). Isso evita perda na quantidade de cores da imagem.


- Resolução


Existe um mito de que tudo que vai ser impresso tem que estar com resolução de 300 dpi. Isto foi difundido a partir da exigência de máquinas de impressão offset, usadas em gráficas. Nossos equipamentos, assim como tantas outras impressoras inkjet, não têm essa necessidade, pois imprime com resolução de 2880 lpi. O ideal é que a resolução não fique abaixo de 100 dpi no tamanho final, sem interpolação.


- LPI


A lineatura é a quantidade de pontos por cm ou pol linear. Quanto maior a lineatura menores serão os pontos (pois tem que caber mais pontos no mesmo espaço, 1 cm linear), e quanto maior a lineatura maior será a resolução da imagem impressa (desde que adequada ao tipo de papel, ao tipo de tinta e ao processo de impressão).


- O que é dpi?


“dpi” é a abreviação de “dots per inch”, que quer dizer pontos por polegada, em inglês.

Portanto, quanto mais pontos por polegada quadrada na imagem, melhor sua definição. Com poucos pontos por polegada a imagem fica com aspecto serrilhado ou “pixelado”, na linguagem técnica.


Interpolação


Interpolação é um recurso que os programas gráficos apresentam, no sentido de criar, por meio de cálculos matemáticos, pontos (“dots” ou “pixels”) onde eles não existem.

A princípio isso daria uma “melhorada” na imagem, mas para equipamentos com alta precisão de leitura da imagem isso acaba dando um efeito de desfocado, prejudicial no resultado final.

Recomendamos fortemente para que não se use esse recurso nas imagens a serem impressas em nossos equipamentos.

Para o envio de arquivos com Imagens:

- Você pode enviar os arquivos para nosso e-mail:

contato@pandorapix.com (Recomendamos que se limite a quantidade de dados transmitidos a 15MB por mensagem para não correr risco de falha no envio.)

Outras maneiras de nos enviar seus arquivos são via:

- Yousendit ou Rapidshare, We transfer ou outros sites semelhantes.

- FTP


A Escolha dos papeis


- Gramatura: É a medida que se usa para classificar tipos de papel. É uma relação entre a sua espessura e o peso do material que o compõe. A gramatura de um papel é definida pelo peso de uma folha de 100 x 100 cm. Portanto, quando se diz que um determinado papel tem gramatura 180 gramas, significa que uma folha daquele papel medindo 100 x 100 cm pesará 180g. Tem papéis cuja composição os faz serem mais grossos porém mais leves que outros. A gramatura é uma referência para comparação, não quer dizer que quanto maior a gramatura melhor o papel, isso varia de acordo com cada resultado pretendido.

- Papel ideal para imprimir cor ou p/b: No processo de impressão por inkjet não existe essa diferença. Existem diversos tipos de papel que vão servir muito bem para imagens coloridas ou em preto e branco. É mais uma questão de gosto pessoal.

Papel foto ou algodão: Mais uma vez, é uma questão de gosto. O papel fotográfico pode ser considerado mais tradicional e remete aos usados em processo fotográfico, à base de sais de prata. Os papéis algodão são mais novos e apresentam maior durabilidade, sendo mais utilizados em trabalhos artísticos, trabalhos que se destinam a venda como obra de arte, para coleções etc…

Manuseio das Impressões

Sempre manusear com mãos limpas ou luvas, para evitar que a gordura natural do corpo deixe marcas. Observar espaço suficiente para não ocorrer dobras ou vincos.


Conservação


Armazenar as impressões em lugares lisos e livres de poeira, umidade e luz direta do sol.

Consultar nossos tamanhos
Agende sua visita e conheça nosso atendimento personalizado:
- contato@pandorapix.com
- 55 21 3283-8000
- 55 21 98107-0910
- Laranjeiras - Rio de Janeiro - Brasil